----

Sejam bem vindos ao Meu Mundo Subjetivo!

quarta-feira, 30 de abril de 2014

Cabresto biométrico


Não existe voto sem interesse de fundo, a prova disso está na boca de urna. Ela existe para  “incentivar” os menos apaixonados ou aos  que não devem fidelidade a nenhum  candidato. Daí dizer que há eleitores indecisos. Bem... eles sabem o que querem e cada um tem seu motivo para votar.

Há uma enorme diferença entre está  indeciso e não ver alguém merecedor de seu voto (em outros casos: alguém que esteja disposto a pagar bem por isso). Alguém que faça valer a  pena gastar  tempo e dê disposição para enfrentar uma fila no dia de votar. Pois, o voto é obrigatório, sem o tal exercício da cidadania não se tem os direitos garantidos.

 Como na política uma mão lava a outra e as duas...é melhor nem pensar no que podem fazer juntas! Vemos isso todos os dias nas mídias, o resultado do poder que se coloca nas mãos desses “homens e mulheres do povo”.

Quem dera todos percebessem  onde de fato reside o “poder”. Evitaria que poucos manipulasse o desejo da grande maioria .

Há quem vote por paixão, quem vote  por obrigação e quem vote por acreditar que esse mundo ainda pode mudar. Se os homens não mudarem, nada terá melhoria. O mundo é habitado por pessoas e são elas quem criam  leis e sistemas.

No passado existiu o voto de cabresto. Existiu??

Na verdade, somente mudou a metodologia. Uma adaptação de necessidades que mascara a realidade no cenário político do país.

Vejo professores, entre outros profissionais formadores de opiniões, votar  depois de firmar compromisso com seu candidato “favorito”. O que somente prova que não há política desinteressada, mas um investimento que será  confirmado ou não nas urnas.

No passado o coronel  estava por perto com seu capataz para garantir a “fidelidade” de seu eleitor. Hoje temos a urna eletrônica com biometria para evitar fraudes (?).

Pois é, mudou o método. Embora o coronel continue presente na hora do eleitor fazer sua “escolha  democrática”. Num país democrático como o Brasil, democracia  MESMO  não existe!

Que democracia é essa que leva milhares/milhões de cidadãos a escolher o que já está decidido?

Confirmada sua vitória, é hora de  honrar  cada promessa (para com  seus fieis eleitores) de campanha e governar sem respeito algum pelos demais cidadãos. Uma vez que a maioria deles venderam seus  votos .  Mais que isso: venderam sua dignidade e ainda submeteram seus semelhantes a uma humilhação constante neste  ciclo vicioso; onde o politico  munido de discurso falacioso adentra a casa das pessoas, oferece favores ou pagam contas  em troca de voto. Mas, nas rádios e nos programas de televisão dizem não praticar tal ação. Alguns, até priorizam o uso das redes sociais "para ficar mais perto de seus eleitores" e mostrar que sua gestão trabalha em prol do povo.

Riem da ingenuidade do povo e aproveitam-se dos mais gananciosos para continuar fazendo desse país o mais fétido esgoto.
Falando nisso, vem por aí o grande mundial do futebol (em Junho). Desta vez no Brasil. Depois de gritar e vibrar, as pessoas votarão no calor das emoções (em Outubro acontecerão as eleições para escolher um novo presidente/presidenta, deputados federais e estaduais... senadores, governadores). Espero que sejam as melhores do mundo!
....Frag-men-tos....Meus....