----

Sejam bem vindos ao Meu Mundo Subjetivo!

domingo, 10 de novembro de 2013

Felina


Felina



Sou doce
Sou encanto
Um inebriável canto
Uma flor no seu desabrochar
Uma lágrima que escorre
O sorriso quando morre
Sou alegria
Sou pura poesia
Os seus mais íntimos sonhos
Palavras que ecoam no infinito
Sou a liberdade de um grito
Sou felina
Mulher
Menina
Defendo o que é meu
Arisca espero a hora certa
Para saciar sua fome
Homem selvagem
Nem se defende dos ataques
Numa entrega de verdade
....Frag-men-tos....Meus....